• Home
  • Blog
  • Livros
  • Novas fronteiras do biodiesel na Amazônia: limites e desafios da incorporação da pequena produção agrícola (2011)

Novas fronteiras do biodiesel na Amazônia: limites e desafios da incorporação da pequena produção agrícola (2011)

Organizadores: Júlia Adão Bernardes e Luis Angelo dos Santos Aracri
Ano: 2011

Editora Arquimedes

O presente livro, traz aos leitores uma síntese das discussões que ocorreram no Seminário Regional “Novas fronteiras do biodiesel na Amazônia: limites e desafios da incorporação da pequena produção agrícola”.

O viés privilegiado foi o da análise crítica da técnica como eixo orientador do processo de modernização da agricultura. Nesse sentido, as “fronteiras do biodiesel” seriam, entre outras coisas, fronteiras da tecnologia agrícola, das racionalidades técnico-científica e mercantil, já que a realização plena da reprodução ampliada do capital não pode prescindir de um certo nível de participação da agricultura familiar no processo. Entretanto, a aparente valorização do pequeno agricultor não exclui tensões e divergências pois, de acordo com as palavras do saudoso professor Milton Santos, onde se instala o capital, se instala, também, a contradição.

Os diferentes ângulos explorados nos artigos, como as escalas de política energética, a expansão do cultivo de oleaginosas para a produção do biodiesel, o controvertido processo de modernização dos estabelecimentos familiares e de “transferência de tecnologia” para os agricultores , os entraves ao licenciamento ambiental dos assentamentos rurais, as características e as particularidades da agricultura familiar, entre outros, conservam entre si uma unidade: o papel central que o Programa Selo Combustível Social ocupa em cada uma dessas dimensões da problemática. Por outro lado , a questão se revelou resistente ao esgotamento e, além de reveladoras conclusões, os artigos presentes nesse livro suscitam novos questionamentos.

Sumário

Prefácio
Denise Elias

Apresentação
Júlia Adão Bernardes
Luís Angelo dos Santos Aracri

Escalas de política energética: o programa nacional de biodiesel
Gisela Aquino Pires do Rio

Os agrocombustíveis e os dilemas da agricultura camponesa e familiar
Ariovaldo Umbelino de Oliveira

Políticas públicas, Selo Combustível Social e território usado
Júlia Adão Bernardes

Limites à modernização da agricultura familiar em Mato Grosso no marco do programa Selo Combustível Social
Luís Angelo dos Santos Aracri

O programa Selo Combustível Social no coração do agronegócio brasileiro: primeiras reflexões
Marília Leite Cafezeiro

Agricultura familiar mato-grossense e sua inserção na cadeira do biodiesel: limitações e possibilidades
Onélia Carmem Rossetto

O biodiesel e o Selo Combustível Social: dificuldades de implementação em Mato Grosso
Jorge Luiz Gomes Monteiro
Anderson Alves Pinto

Licenciamento ambiental em assentamentos na Amazônia Mato-grossense incorporados à cadeia produtiva do biodiesel: uma aproximação
Nely Tocantins
Joaquim Correa Ribeiro

A agricultura familiar e a produção de soja para o biodiesel em Goiás
Dimas Moraes Peixinho
Iraci Scopel

O Selo Social no âmbito da produção de biodiesel no Nordeste
José Bertoldo Brandão Filho

Entrevista: O biodiesel e o selo social
Nilfo Wandescheeer – Presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Lucas do Rio Verde
Entrevistador: Lourenço Passeri Lavrado da Silva Moreira

 

Para adquirir o livro entre em contato conosco.